A violência do processo penal e o sentar-se no banco dos réus